Pós-graduação para o Complexo Econômico e Industrial da Saúde -PGCEIS

Turma especial do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Biociências e Biotecnologia, FIOCRUZ/PR

Objetivo do Programa

O PPGBB-ICC tem como principal objetivo a formação de pessoal qualificado com conhecimento técnico, científico e ético para o exercício de atividades profissionais de desenvolvimento e de pesquisa com autonomia e originalidade, sendo capazes de desenvolver novas metodologias e produtos acerca de um problema.


Especificamente, o PGCEIS será inicialmente ancorado no PPGBB e será ensaiado como modalidade multiprofissional, de acordo com a Portaria nº 389/MEC, de 23 de março de 2017.  Através da interação entre as indústrias e a Fiocruz, o PGCEIS visa a formação de profissionais capacitados a buscar resolução de problemas relevantes ao complexo econômico e industrial da saúde (CEIS), através do conhecimento científico aplicado ao desenvolvimento de novas tecnologias/processos/produtos. Sendo assim, a identificação do projeto terá como origem uma necessidade demandante do CEIS e será elaborado através da parceria entre uma unidade produtiva do CEIS e a Fiocruz.

DSC_0025
Fiocruz e o CEIS

A contribuição da Fiocruz para a formação e qualificação de profissionais para o complexo econômico-industrial da saúde (CEIS) insere-se em uma estratégia voltada para situar a saúde como uma oportunidade para o desenvolvimento nacional. O conhecimento qualificado nesta área permitirá reduzir a dependência e viabilizar a perspectiva do SUS de garantir saúde para todos os brasileiros independentemente da renda e do lugar de nascimento . Esta iniciativa também marca uma ação institucional integrada , mediante uma articulação institucional inovadora promovida pela VPEIC. Fortalece a Fiocruz para enfrentar os desafios do futuro, reafirmando seu compromisso com o SUS e a sociedade brasileira.

gadelha
Parceiros
bio
far
sesi
Aspectos inovadores

Curso por demanda

Os cursos do PGCEIS serão ofertados em fluxo contínuo a partir do processo de identificação da demanda da indústria.

Disciplinas Flexíveis

As disciplinas obrigatórias serão mantidas no limite mínimo. A oferta das disciplinas eletivas estará embasada nas atividades oferecidas pelos programas da Fiocruz ou parceiros.

Participação da Industria

O programa terá como origem uma necessidade da indústria. A elaboração do projeto e sua execução pelo aluno será compartilhada entre o orientador acadêmico e um supervisor indicado pela indústria.

Público Alvo

O PGCEIS é de natureza inovadora e baseia-se na cooperação entre o CEIS e a Fiocruz, portanto, os candidatos poderão ser de diferentes áreas do conhecimento técnico-científico que visam solucionar problemas enfrentados pelas empresas. O aceite do aluno será condicionado a disponibilidade de orientadores potenciais no programa, bem como supervisores nas empresas parceiras dispostos a trabalharem em um projeto de tese construído a partir de um problema inicial a ser enfrentado com qualidade científica.

lab
Regime de duração

O regime de duração para a PGCEIS cumprirá os requisitos especificados de acordo com o regimento da PPGBB, ICC (Biociências e Biotecnologia do Instituto Carlos Chagas.


A elaboração do projeto e sua execução pelo aluno será compartilhada entre o orientador acadêmico, pela Fiocruz, e um supervisor indicado pela indústria.
A Pós-graduação para o CEIS seguirá um regime em duas fases:

Etapa que consiste na apresentação do problema e identificação de potenciais orientadores e supervisores para execução do projeto. Projetos com potencial de patentes e/ou sigilo industrial, serão apreciadas pelo NIT-ICC e as devidas precauções serão adotadas. A etapa durará de 4 a 6 meses, com disponibilidade de bolsa de acordo com a demanda. Ao final do período, a equipe composta pelo orientador da Fiocruz, o supervisor da indústria parceira e o candidato deverão apresentar um plano de estudo e desenvolvimento para que ao final de quatro a seis meses o candidato possa estar preparado para apresentar seu projeto de pesquisa aplicada. Essa etapa será ofertada em fluxo contínuo

A passagem da etapa 1 para a etapa 2 estará garantida por fluxo contínuo e será realizada mediante a apresentação do projeto temático de sua tese, que será avaliado por uma banca formada por orientadores do programa e supervisores do ambiente empresarial (das unidades produtivas). O aluno será declarado apto ou inapto para a continuidade de desenvolvimento da sua Pós-graduação cujo prazo será de no máximo 48 meses prorrogáveis para mais 12 meses.

CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DO ORIENTADOR, SUPERVISOR E EMPRESA
Sem-Título-1

I. As empresas ou unidades produtivas parceiras, deverão estar cadastradas no Diretório de Instituições do CNPq e no Portal de Inovação da ABDI. Em caso de não cadastrada, esta deverá ser apresentada pela Fiocruz ao Diretório de Instituições do CNPq e no Portal de Inovação da ABDI. Será incentivado que a empresa invista em PD&I como condição inicial de entrada na proposta de doutoramento acadêmico para o CEIS.

Vale lembrar que na relação Fiocruz/empresa, a Fiocruz respeitará suas cláusulas pétreas aprovadas em Congresso Interno e incentivará através deste instrumento o fortalecimento do SUS e o bem-estar da população brasileira.

II. O orientador deverá ser docente do PPGBB, ICC, Fiocruz/PR, ter o título de doutor e capacidade de orientação na modalidade doutorado;

III. O supervisor técnico deverá ter vínculo funcional com atividade de PD&I da empresa parceria.

IV. Projetos com potencial de patentes e/ou sigilo industrial, serão apreciadas pelo NIT-ICC e as devidas precauções serão adotadas.

Coordenação

Coordenador: Dr. Alejandro Correa
Vice coordenadora: Dra. Sheila Nardelli
Secretaria acadêmica, área PG-CEIS: Mariana Acosta
Contato: ensino.pgceis@fiocruz.br

TOP